Lista de embalagem: um guia abrangente de perguntas frequentes

Lista de embalagem

Provavelmente, você está se perguntando como é a lista de embalagem ao importar da China.

Ou, você só quer saber mais sobre a lista de embalagem.

Este guia contém todas as informações sobre o packing list que você pode estar procurando – desde a definição, propósitos, templates até o conteúdo do packing list, entre outros aspectos vitais.

Continue lendo para aprender mais.

O que é uma lista de embalagem no transporte?

Packing list

Packing list

Isto é um envio de documento que lista todas as mercadorias compradas a serem enviadas e o destinatário específico da remessa.

Você também pode descrevê-lo como um documento formal que mostra uma lista detalhada de mercadorias dentro de um pacote de remessa.

Em linguagem simples, uma lista de embalagem é um documento que contém todas as informações necessárias sobre o item.

Tais informações podem ser a quantidade de caixas, tamanhos de embalagens, quantidade de cada produto entre outras

Este documento é amplamente utilizado no comércio internacional e contém informações relevantes sobre o conteúdo dos itens exportados.

Normalmente, uma lista de embalagem mostra os detalhes relacionados à remessa, incluindo como eles foram embalados fisicamente.

Em alguns casos, também é chamado de guia de remessa, lista de remessa ou guia de pedido.

Qual é o objetivo da lista de embalagem?

Indiscutivelmente, uma lista de embalagem de remessa é um dos documentos essenciais para enviar ou receber remessas de frete.

Portanto, desempenha um papel fundamental na realização da eficiência do processo geral de envio.

O departamento de expedição usa este documento para permitir que eles entendam as especificidades de entrega da remessa.

Permite ao expedidor garantir que incluiu tudo no envio.

Além disso, o destinatário ou destinatário pode consultar este documento para confirmar que cada item está incluído na remessa.

Além disso, uma guia de remessa ajuda no gerenciamento de pedidos.

Ele facilita a transição, o processamento e o envio de pedidos sem problemas.

O gerenciamento de pedidos envolve principalmente o gerenciamento da vida útil de um produto e o acompanhamento até que ele chegue ao destino do cliente.

Assim, as entidades podem facilmente verificar e acompanhar o estado do envio do produto e, consequentemente, simplificar o processo de gestão.

Também é importante quando o pedido chega em vários pacotes.

Nesse caso, ele desempenha o papel de acompanhar o que chegou e o que não chegou.

Você também pode considerar usar este documento como uma oportunidade adicional de branding como vendedor.

Idealmente, você pode criar um design semelhante à sua marca e usar uma microcópia para expressar sua voz.

Por que a lista de embalagem é importante no transporte?

Ostensivamente, uma lista de embalagem contém uma lista e informações dos produtos específicos enviados do vendedor para o comprador.

Por isso, desempenha um papel integral em todo o processo de envio.

Aqui estão algumas das razões pelas quais este documento é imperativo no transporte;

· Prova Física dos Itens Enviados

Uma lista de embalagem normalmente é uma cópia impressa de todas as mercadorias embaladas.

Assim, atua como prova de que todos os produtos mencionados são de fato enviados.

Portanto, serve como prova física de todas as mercadorias embarcadas.

E caso haja alguma incompatibilidade, a equipe de embarque deve estar sempre pronta para fornecer o documento de verificação.

É importante ressaltar que o documento também ajuda o comprador e o vendedor a rastrear as mercadorias da remessa.

· Verificação e verificação cruzada

A entrega pontual e o pedido correto são fundamentais no atendimento de pedidos, especialmente no negócio de comércio eletrônico.

Uma lista de envio garante que o vendedor incluiu todos os pedidos que você mencionou no pacote de envio.

Através deste documento, torna-se fácil para ambas as partes contar, verificar e contra-verificar cada produto em relação às quantidades mencionadas.

· Identificação de Bens Perdidos ou Danificados

Este documento ajuda a determinar quaisquer produtos perdidos ou danificados.

Em geral, as mercadorias em trânsito são geralmente cobertas por custos de seguro.

Assim, com o auxílio de uma lista de embalagem, torna-se fácil iniciar e efetivar o processo de compensação.

Em casos de reembolso, a lista de embalagem atua como evidência de que o produto está em trânsito durante tais casos.

· Aprimora as Relações Empresariais

O objetivo da maioria das entidades empresariais é sempre desfrutar de uma cultura de trabalho direta e organizada.

O uso de uma lista de remessa ajuda todas as partes envolvidas no cumprimento do processo.

Melhora a organização do processo, tornando as relações comerciais mais claras e relativamente fortes.

· Permite que a Alfândega Estime o Valor da Remessa

Se você estiver enviando os produtos além-fronteiras, o departamento de alfândega geralmente usa esse documento para estimar o valor da remessa.

Além disso, também é um dos requisitos necessários para facilitar o processo de desembaraço aduaneiro.

· Reserva de Frete de Embarque

Em muitos casos, uma lista de embalagem é usada para criar reservas com transportadoras internacionais.

Consequentemente, facilita a emissão do Conhecimento de Embarque Internacional, que é igualmente um documento obrigatório no transporte.

O que a Lista de Embalagem deve conter?

Em princípio, um romaneio deve ser preciso e o mais completo possível.

Os detalhes exatos incluídos neste documento podem variar dependendo do negócio e dos itens.

Mesmo assim, existem elementos específicos e consistentes que você sempre encontrará em quase todas as guias de remessa.

Os detalhes incluem o seguinte;

1) Endereço de entrega, data do pedido e informações de contato

Semelhante a uma fatura, uma lista de embalagem também contém essas informações básicas úteis para fins de arquivamento.

Esses detalhes são essenciais, especialmente se surgirem problemas em trânsito, pois o documento é útil como opção de backup.

2) Quantidade do produto

Uma coluna de quantidade na guia de remessa ajuda a encurtar a lista para evitar que ela saia em várias páginas para o mesmo item.

3) Lista detalhada de itens enviados

A maioria dos compradores geralmente verifica os produtos que recebe em relação à lista de itens encomendados.

A essência é garantir que você obtenha as mesmas mercadorias que você encomendou e pagou.

Outros conteúdos comuns da lista de embalagem incluem;

4) Lista detalhada de rupturas de estoque

Com a fatura, a maioria das guias de remessa também inclui as mercadorias que foram encomendadas, mas estavam em falta.

Isso torna mais fácil para o cliente reordenar, se necessário.

  • Número da lista de embalagem
  • Informações da empresa – Nome e logotipo
  • Método de remetente ou transportadora
  • Descrição do produto
  • Peso dos itens
  • Data e hora do pedido
  • Nome e endereço do destinatário
  • Nome e endereço do remetente
  • Qualquer instrução especial ou nota

Quem prepara a lista de embalagem?

https://youtu.be/eeHacMwsaVg

O vendedor, fornecedor ou fabricante cria a lista de embalagem.

Geralmente é compilado durante a coleta e embalagem das mercadorias e enviado para o local da mercadoria para uma contagem precisa dos itens.

Após os itens serem contabilizados e embalados, a lista é encaminhada ao seu respectivo destino.

Qual é a diferença entre Packing List e uma fatura comercial?

Uma lista de embalagem e fatura comercial são mais ou menos semelhantes em natureza.

No entanto, eles servem a propósitos diferentes para pedidos de compra.

Fatura comercial

Fatura comercial

Importar lista de embalagem

Importar lista de embalagem

Alguns dos motivos pelos quais esses dois documentos variam incluem o seguinte;

· Objetivo

O objetivo de uma lista de embalagem é mencionar e documentar cada produto adquirido.

Também ajuda a rastrear diferentes remessas, caso haja um grande número de pedidos.

Por outro lado, a fatura comercial tem por finalidade mencionar e documentar as finanças ou pagamentos dos produtos.

Facilita para as entidades o conhecimento de seus pagamentos devidos, quando aplicável, para empresas que operam apuração de pagamentos mensais.

Principalmente, uma fatura consiste em produtos vendidos dentro de um prazo específico com o respectivo valor a pagar para cada item.

· Parte Alvo

A lista de embalagem é usada principalmente pelas equipes de embarque e armazém. Isso é para garantir que todas as mercadorias alistadas sejam recebidas.

As equipes de expedição e depósito também usam este documento para verificar se as mercadorias recebidas ou enviadas estão corretas.

No entanto, uma fatura comercial destina-se principalmente aos proprietários da empresa ou ao departamento de contabilidade.

Eles passam pelo departamento financeiro, onde são posteriormente desembaraçados após a confirmação.

· Modo de Envio

Uma guia de remessa geralmente é enviada durante o envio dos itens ou mercadorias em trânsito.

Isso permite que a equipe de expedição conheça os itens específicos que estão transportando.

Por outro lado, uma fatura comercial é enviada diretamente ao cliente ou entidade compradora.

A empresa de transporte não necessariamente se apossa deste documento, sendo assim despachado diretamente ao comprador.

Outra diferença fundamental é que a fatura comercial normalmente é acionada pela plataforma de pagamento.

Uma lista de embalagem, por outro lado, é solicitada pela tecnologia de atendimento ou remessa.

Além disso, é importante notar que todas as empresas usam faturas.

No entanto, nem todas as empresas usam uma guia de remessa.

Em outras palavras, uma fatura comercial é um documento obrigatório em qualquer transação comercial.

Uma lista de embalagem, no entanto, é essencial, mas não necessariamente obrigatória em todas as transações comerciais.

É Legalmente Obrigatório ter Packing List no Envio Internacional?

Diferentes países têm várias políticas em torno da necessidade da nota fiscal de importação.

Em alguns países, a lista de embalagem é um requisito obrigatório para qualquer tipo de produto importado.

Essencialmente, o departamento de alfândega nesses países sempre exige esse documento para liberar a remessa.

Por outro lado, existem países que exigem apenas um packing list para determinadas importações.

Em termos simples, existem alguns produtos específicos, que só devem ser desembaraçados na alfândega mediante a apresentação da guia de remessa.

Em poucas palavras, a legalidade deste documento baseia-se na sua obrigatoriedade, dependendo de países específicos.

Como você determina se sua remessa precisa de lista de embalagem?

Você pode usar várias maneiras de determinar se sua remessa requer uma lista de embalagem.

Alguns desses meios incluem o seguinte;

· Perguntando do Consignatário

Depois de embalar as mercadorias de acordo, pode ser necessário confirmar com o destinatário se ele precisa da lista de pedidos.

Em essência, alguns não necessariamente precisariam dele, enquanto outros insistiriam que fosse encaminhado a eles.

Portanto, informe-se com o comprador para saber se você precisará ou não enviá-lo.

· Pesquise on-line

Você também pode precisar descobrir em várias ferramentas on-line sobre o destino específico para o qual está enviando.

Por exemplo, você pode verificar no site da Comissão Europeia para determinar se este documento é necessário na região ou país.

· Consulta do Agente de Carga/Transportadora

A maioria das transportadoras e agentes de carga geralmente lidam com remessas para clientes diferentes.

Assim, eles conhecem os destinos específicos onde o packing list é um requisito obrigatório ou necessário.

Você pode, portanto, consultar qualquer uma das partes para determinar se há necessidade de que a remessa específica tenha uma guia de remessa.

· Informe-se da Câmara de Comércio Local

Se necessário, você também pode descobrir na sua câmara de comércio local.

Eles entendem os requisitos de diferentes remessas em destinos variados.

Portanto, fica fácil para você obter a posição correta de incluir uma lista de embalagem para a respectiva remessa.

Você pode usar a lista de embalagem como uma etiqueta de envio?

Sim.

Uma lista de embalagem normalmente contém todas as informações vitais em torno da remessa, que você pode precisar.

Portanto, você também pode optar por usá-lo como uma etiqueta de envio.

Tudo o que você precisa é processar o produto através de sua transportadora preferida e gerar uma etiqueta de envio.

No entanto, você precisará colar a etiqueta de envio em suas respectivas caixas.

Isso possibilita que a etiqueta de envio identifique o conteúdo de cada caixa.

No entanto, essa abordagem seria um desserviço, principalmente se você estiver procurando as melhores taxas de envio.

Como criar uma lista de embalagem?

Várias entidades comerciais usam diferentes tipos de programas de computador pré-criados para gerar uma lista de embalagem.

No entanto, um modelo geralmente é atribuído como padrão como guia de remessa para remessas locais e internacionais.

Em outras palavras, você precisa obter um software de computador pré-programado e integrá-lo aos seus sistemas.

Dependendo do software que estiver usando, você criará e gerará a lista de embalagem de acordo.

A maioria desses softwares geralmente vem com um manual, facilitando a criação e impressão da lista.

Além disso, você pode optar por personalizar a lista de pedidos, dependendo do que atende às suas necessidades.

Qual é a diferença entre lista de embalagem e nota de pedido de compra?

Boleto do pedido de compra

Boleto do pedido de compra

Lista de pacotes

Packing list

A guia de pedido de compra é o primeiro documento que o vendedor gera para documentar a transação projetada com o cliente.

Fabricantes e fornecedores costumam usá-lo.

Normalmente lista todos os produtos encomendados, quantidade, custo unitário, bem como as condições de pagamento.

Idealmente, o comprovante de pedido de compra raramente é usado por vendedores diretos ao consumidor.

No entanto, os envolvidos no business-to-business geralmente estão familiarizados com isso.

O recibo da ordem de compra só se torna um documento juridicamente vinculativo para ambas as partes, uma vez que o cliente concorda em comprar a encomenda.

Por outro lado, uma lista de embalagem contém todas as informações relevantes referentes ao respectivo pedido enviado.

Como a Lista de Embalagem e a Nota de Entrega se comparam?

Nota de entrega

Nota de entrega

Nota de entrega refere-se a um documento que o destinatário assina no momento da entrega ou recebimento da remessa.

A transportadora fornece a nota de entrega ao destinatário, que a assina como prova de entrega.

Principalmente, a nota de entrega lista os itens específicos e respectivas quantidades entregues.

Mesmo assim, a nota de entrega é comparativamente menos detalhada do que uma lista de embalagem.

Este último não inclui preço da mercadoria e endereço de cobrança.

A nota de entrega concentra-se principalmente na listagem das mercadorias para permitir que transportadores e compradores cruzem a remessa real com uma nota de entrega.

Existem Taxas para Emissão de Packing List?

Nem um pouco.

É de responsabilidade do vendedor emitir uma lista de embalagem mediante solicitação do comprador.

O cliente nunca deve pagar qualquer quantia em dinheiro para obter uma lista de embalagem.

Como o Packing Fist se encaixa no processo de envio do Warehouse?

O processo de envio do Armazém garante que as mercadorias cheguem aos respectivos clientes no prazo e com precisão.

Você deve ter uma proposta de valor exclusiva com um processo de envio simplificado e práticas recomendadas incorporadas a ele.

Você, portanto, precisa resolver todos os problemas ao longo do processo de envio.

Os elementos críticos a serem examinados neste caso incluem;

  • O processo de embalagem
  • Kit e empacotamento
  • Lista de seleção
  • Embalamento

Qual é a melhor maneira de melhorar o modelo de lista de embalagem?

Você pode usar uma lista de embalagem como um elemento de marketing para o seu negócio.

Portanto, você precisa encontrar melhores maneiras de aprimorar o modelo e melhorar a experiência do cliente.

Algumas das maneiras que você pode usar para melhorar o modelo deste documento incluem o seguinte;

  • Incorporando sua marca – Você pode animar sua lista de embalagem adicionando qualquer coisa, como seu logotipo, ao papel inteiro.

Alternativamente, você também pode optar por adicionar uma marca d'água ou alterar a cópia dependendo da época, como o Natal.

  • Venda incrementada e venda cruzada – Inclua um cupom ou código promocional no espaço em branco disponível de sua guia de remessa ou lista de verificação.
  • expressar gratidão – Você pode decidir usar a guia de remessa para agradecer aos clientes por fazer negócios com sua empresa.

Você pode ter certeza de que eles receberão a mensagem, pois eles precisam usar o documento para confirmar o envio.

  • Melhore a interação social – Na era digital moderna, as redes sociais tornaram-se um canal fundamental para interagir e comunicar.

Você pode compartilhar suas plataformas de mídia social na lista de embalagem para se conectar ainda mais com os clientes.

Quais são as considerações de uma lista de embalagem?

Claro, a lista de embalagem não deve necessariamente ser complicada.

No entanto, existem alguns elementos que você precisa considerar ao atender pedidos, como os seguintes;

· Impacto ambiental

É discutível de vários quadrantes se a lista de embalagem serve a um propósito.

Alguns o consideram um ponto de referência para os clientes, enquanto outros o veem como um pedaço de papel desperdiçado.

No entanto, contar com uma versão eletrônica é idealmente uma abordagem mais ecológica.

Portanto, quando necessário, você pode considerar o uso de uma versão eletrônica do talão de pedido.

· Um Processo Integrado

Este documento serve como uma das várias marcas de verificação no processo de coleta, embalagem e envio.

Você precisa integrar o processo para evitar o risco de mais erros, principalmente ao gerar o documento manualmente.

Assim, você precisa utilizar uma ferramenta automatizada, o que torna as operações convenientes e eficientes.

Você precisa integrar o sistema que usa para escanear e confirmar todas as mercadorias ao longo do processo de atendimento.

· Uma Experiência Distinta do Cliente

Você sempre pode utilizar a oportunidade de unboxing para criar uma impressão duradoura entre seus clientes.

As guias de remessa são alguns dos elementos que você pode usar para comercializar sua marca.

No entanto, você precisa encontrar uma abordagem melhor para usar este documento para causar impacto sem sobrecarregar o destinatário.

Enquanto isso, os detalhes que você inclui nunca devem distrair o destinatário das informações importantes.

Você pode alterar uma lista de embalagem?

Sim.

É sempre possível editar uma lista de embalagem mesmo depois de ter criado uma.

A maioria dos programas de software usados ​​para gerar este documento possui a provisão, que permite alterá-lo de acordo.

Tudo o que você precisa é determinar as alterações específicas que deseja fazer e alterá-las no sistema por esse motivo.

No entanto, é recomendável que você seja sempre meticuloso ao gerar uma guia de remessa.

Torna-se difícil alterá-lo quando chega aos clientes.

E se o erro foi acidental ou deliberado, tais incidentes tendem a comprometer a integridade do seu negócio.

O modelo de lista de embalagem é o mesmo para todas as empresas?

Não.

Os modelos de lista de embalagem são diferentes entre as empresas.

Diferentes entidades usam vários softwares e sistemas de dados para gerar este documento.

No entanto, a maior parte do conteúdo tende a ser o mesmo, talvez com um design de modelo diferente.

Portanto, mostra que o modelo será diferente dependendo do sistema e das necessidades do negócio específico.

Como a Lista de Embalagem de Exportação Funciona com o Tipo de Remessa?

Exportar lista de embalagem

Exportar lista de embalagem

Em muitos casos, as listas de embalagem geralmente variam dependendo do tipo específico de remessa.

Isso pode ser na forma de Container carregado (FCL), Menos carga de contêiner (LCD), ou envio de frete aéreo.

Principalmente, o FCL requer mais contêineres; portanto, você deve fornecer detalhes sobre os produtos enviados com base em um contêiner junto com o total de contêineres.

Normalmente, um FCL pode não estar totalmente carregado, mas conta como um, desde que um remetente o reserve.

Por outro lado, se você exportar LCL, a guia de remessa geralmente consiste em detalhes do produto, já que há um único contêiner.

A lista de pedidos de remessa de frete aéreo às vezes pode omitir vários itens de uma lista de embalagem comum.

A maioria das transportadoras de carga aérea usa as dimensões como ponto de referência para avaliar o peso e o volume da remessa.

Isso torna mais fácil para as transportadoras determinarem a passagem aérea a pagar.

Na BanSar, ajudamos você em todas as necessidades de desembaraço aduaneiro e documentação de embarque.

Contacte-nos agora por serviços de frete da China.

Voltar ao Topo